Configurar vale promo/troca (Synthesis)

Através da Synthesis temos integração com seus vales fidelidades denominados de loyaltyCard. Através deles é possível realizar o consumo através do carrinho/checkout, sendo necessário apenas informar o código no site no mesmo campo de cupons/vale-compra nativos da plataforma.

Os vales são passíveis de uso de forma parcial caso o seu valor seja maior que o total do pedido. Sendo assim, ficará o valor restante para uma futura compra. (comportamento configurável no portal da Napse).

Além disso, este vale não é do tipo wallet. Ou seja, ao informar o código do vale, o valor a ser debitado é o total possível a ser pago conforme seu saldo. Não há possibilidade de escolha do valor a ser utilizado.

Como configurar

  • Acesse Configurações > Meios de Pagamento;
  • Pressione no botão Adicionar e escolha o meio de pagamento chamado Pagamento com Vale-compra;
  • Vá na aba Integração e escolha o provedor chamado Sistema Synthesis;
  • Na opção Utilizar Gerenciador Externo selecione o RadioButton Ativo.

Caso seja marcada a opção Sim na propriedade Utilizar vale do tipo híbrido será necessário informar um valor na propriedade channel. O valor a ser inserido no campo Channel quem disponibiliza é o time da Napse. E o channel apenas faz-se necessário preenchimento quando o tipo híbrido está como Sim, caso contrário, a propriedade é inexistente no admin da plataforma para preenchimento.

Vale híbrido é a nomenclatura dada para vales que possuem uma validação no ato da consulta do saldo do vale/consumo do vale. Essa validação no ecommerce é realizada através do CPF do cadastro do cliente logado no site. Ou seja, caso o vale esteja com tipo híbrido como sim, no carrinho e checkout ao inserir o vale haverá conferência, via backend, na Napse se o CPF do cliente logado é equivalente ao CPF do cadastro do cliente quando fora gerado o vale.

Além do mais, o modo de comunicação com a Synthesis ocorre de maneira distinta quando o tipo híbrido está como Sim, e de outra maneira quando está Não. (Comunicação entende-se como requisições via backend ao provider da Napse.)

Quando está tipo Sim sempre passaremos à Synthesis requisições contendo o CPF do cliente logado, o valor inserido no channel e o número do vale. Quando está Não passaremos somente o número do vale nas requisições ao Vale Promo. Contudo, não é todo vale gerado na Napse que permite enviar as requisições contendo channel e CPF, isso precisa ser configurável. E configuração essa é diretamente realizada no portal do Vale Promo.

Ponto de atenção

Caso seja configurado no painel da Linx Commerce o vale do tipo híbrido e ele não contiver essas validações configuradas na Napse, passaremos nas requisições as propriedades de channel e CPF contendo os dados e acabará por retornar erro. Erro esse acontecerá por falta de configuração no painel da Napse. Sendo assim, necessita atentar-se às configurações para não gerarem erro ao cliente final. E isso é passivo de acontecer pois as consultas de vales na Napse não é retornado o type do vale alertando a qual enquadra-se, pois é retornado somente uma numeração como type, e numeração essa que é de total escolha do seller. Ou seja, não há um padrão para identificarmos.

Se um seller já utiliza o Vale Promo sem as validações explicitadas acima e optar por migrar para o type contendo as validações de segurança, faz-se necessário migrar os vales para um tipo híbrido, dentro da Napse, para que suporte o consumo no front do site.


Did this page help you?